Evolução do povo brasileiro

Tem se observado uma diminuição  do poder aquisitivo da população  assalariada. Some-se ainda o aumento da população descoberta dos recursos de saneamento básico. A evolução da mortalidade constitui importante componente para análise e compreensão do crescimento populacional. O papel da imigração  internacional na evolução  da população  brasileira (1872:-1972) foi salientado pela Dra. Maria Stella F. Levy, através de um trabalho de caráter exploratório e informativo.

Quando o Brasil foi descoberto, a população  nativa deveria estar ao redor de 1 a 3 milhões de aborígenes. Com a chegada dos portugueses e, depois, dos escravos africanos (como bagagem dos povoadores, na expressão de Goulart), inicia se mais tarde, em 1808, a entrada de novos elementos humanos no Brasil, imigrantes de diversas nacionalidades. Até 1876 eram os portugueses que constituíam o maior contingente de estrangeiros, enquanto que em 1877 o número de italianos dobra em relação  ao ano anterior.

Os anos de 1932 a 1945 constituem um período de considerável imigração japonesa, cuja proporção  se eleva a quase 30% do total de entradas. Em 1964 inicia-se declínio acentuado no número de imigrantes entrados no país. Calcula-se que, em 100 anos, entraram no Brasil pelo menos 5.350.889 imigrantes, localizados a sua maioria em zonas subtropicais. A imigração exerceu influéncia indireta no crescimento da população brasileira através da fecundidade das mulheres, principalmente as de origem italiana.

Uma projeção  da população  brasileira (de 1970 até o ano 20(0) foi estabelecida por Jair L. Perreira Santos, levando em conta hipóteses diferentes sobre as tendências sociais nos fatores dinâmicos de nossa população . No trabalho em apre90 foram estabelecidas duas hipóteses com relação  ao padrão futuro da fecundidade e uma, com relação  a mortalidade. Para fins de planejamento de saúde tais informa9ões São essenciais. Registros precisos e pertinentes necessitam ser obtidos para que os dados censitários possam realmente contribuir ao esclarecimento de uma problemática particularmente importante em nossos dias.

O "Centro de Estudos de Dinâmica Populacional"(CEDIP), ao iniciar esta série de publicações dá realmente, a todos os interessados por esses problemas, o primeiro passo de uma tarefa que lhe parecer essencial, aproveitando o senso de 1970 para realizar uma análise mais segura dos problemas populacionais e sociais de nosso país.